Concrete Digital faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Concreto refrigerado com nitrogênio líquido

Concreto refrigerado com nitrogênio líquido.jpg
A principal vantagem de utilizar o nitrogênio líquido para refrigerar o concreto é que ele tem um grande potencial de redução de temperatura. 

Você sabe o que é e para que serve o concreto refrigerado com nitrogênio líquido? Ele é uma inovação da construção civil e que já está sendo implementada no país, proporcionando grandes melhorias para o setor.

Para falar um pouco mais sobre o concreto refrigerado com nitrogênio líquido, entrevistamos o vice-presidente da América Latina na empresa NITROcrete e Business Executive at Fundação Dom Cabral, Daniel Aleixo.

Vamos aprender mais sobre essa técnica? Venha conosco!

O que é o concreto refrigerado?

Daniel Aleixo explica que o concreto refrigerado é aquele que você tem um controle de temperatura para o lançamento do concreto. Dessa forma, na maioria das vezes, é substituída parte da água que compõe o traço do concreto por gelo. 

O gelo tem uma temperatura próxima de zero (às vezes, até - 2 ºC). Assim, “Depois de uma hora preparado, ele consegue chegar à temperatura do concreto em sete ou oito graus célcios”, explica o especialista. 

Em quais casos o concreto precisa ser refrigerado?

Quando temos peças que passam de um 1.40 m de altura, largura ou espessura, recomenda-se que o concreto seja refrigerado.

O concreto é feito de cimento: um material que, quando misturado com a água, tem uma reação isotérmica, ou seja, ele libera calor. Por conta disso, Aleixo afirma que, durante o endurecimento do cimento, a temperatura do concreto tende a subir.

Para você ter uma ideia, as temperaturas do concreto (quando em grande volume ou espessura) podem ultrapassar a barreira dos 75 ºC. Isso pode ocasionar fissuras e até mesmo comprometer a estrutura do concreto.

“Então, hoje, existe uma preocupação muito grande com relação ao assunto, além de outros problemas de retração plástica do concreto por perda de temperatura muito rápida”, salienta o especialista. 

O que é e como funciona o concreto refrigerado com nitrogênio líquido?

O nitrogênio líquido é utilizado para refrigerar o concreto. Ou seja, ele é um líquido com temperaturas próximas de - 200 ºC. Então, aqui, já podemos ter uma ideia da diferença de utilizar o nitrogênio no lugar do gelo, certo?

“O nitrogênio foi utilizado em alguns projetos emblemáticos quando se tinha um volume muito grande e o gelo não atingia os requisitos de lançamento de concreto”, ressalta Aleixo.

O especialista cita exemplos: no Brasil, há diversas regiões muito quentes, onde a temperatura do concreto não consegue baixar o necessário com a utilização do gelo. Então, “Com o nitrogênio é possível fazer essa redução de temperatura”.

Quais são as vantagens de utilizar o nitrogênio líquido para refrigerar o concreto

A principal vantagem de utilizar o nitrogênio líquido para refrigerar o concreto é que ele tem um grande potencial de redução de temperatura. 

Porém, Aleixo explica que ele ainda não é tão utilizado e implementado na construção civil porque tem um custo alto. 

No entanto, a notícia boa é que existe uma nova tecnologia americana (empresa NITROcrete) que está sendo trazida e implementada no Brasil, onde há um processo de refrigerar os agregados antes do carregamento do caminhão betoneira.

“Isso traz um benefício muito grande, não só na questão técnica em termos de temperatura, mas com relação ao aumento da produtividade, redução de consumo de cimento e trabalhabilidade do concreto”, salienta Aleixo.

Exemplos de obras com concreto refrigerado

No Brasil, o concreto refrigerado com gelo ainda é utilizado na grande maioria das obras. 

Nas obras das linhas 2 e 6 do metrô, está especificado e sendo avaliado o uso do nitrogênio como parâmetros de lançamento do concreto. 

Porém, Aleixo conta que, por enquanto, ainda não tiveram nenhum concreto para esses projetos, com o uso do sistema da NITROcrete.

No nordeste do Brasil, a construtora DoisA está utilizando o sistema NITROcrete para projetos de bases de concreto para torres eólicas, que pode ser uma grande tendência.

O Brasil vem se despontando como um grande produtor de energia limpa. Assim, a energia eólica é um grande contribuidor para ajudar o país na escassez de energia elétrica — devido à crise hídrica.

“Pensando no futuro, a ideia é que os prédios sejam cada vez mais altos, consequentemente, demandarão blocos de fundação maiores, com maior resistência a compressão e maior demanda de cimento para suportar toda essa carga”, explica Aleixo.

Então, o especialista explica que, com mais cimento, teremos uma elevação de temperatura muito maior. 

Para isso, será necessário o uso de tecnologias que permitam manter o concreto abaixo dos picos máximos de temperatura, o que ocasiona diversos problemas patológicos para o concreto.

Gostou de aprender mais sobre o concreto refrigerado com nitrogênio líquido? Então, aproveite confira também nosso conteúdo sobre Como fazer a impermeabilização do concreto.

Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar