Concrete Digital faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Renovação de rodovias no Brasil em alta

Renovação de rodovias no Brasil em alta.jpeg
A renovação das rodovias permitem que o principal meio de transporte no Brasil apresentem a qualidade necessária.

As rodovias são o principal meio de transporte no Brasil. Isso significa que há grande impacto nos custos operacionais do modal. Porém, sabemos que nem sempre elas apresentam a qualidade necessária. Por isso, a renovação das rodovias é um assunto que merece atenção.

Para falar um pouco mais sobre a renovação das rodovias, entrevistamos o CEO da Inova Civil e coordenador do curso de engenharia de estruturas, desenvolvido em parceria com a Unyleya, Igor Pinheiro. Boa leitura!

Por que é importante a renovação de rodovias?

De acordo com a Pesquisa Rodoviária CNT de 2009, “A avaliação qualitativa do pavimento dos 75.337 km de rodovias sob gestão pública mostra que apenas 37,7% são classificados como 'ótimo' e 'bom'. Por outro lado, quase metade da extensão pesquisada (45,8%) é considerada 'regular', enquanto 16,4% são avaliados como 'ruim' e 'péssimo', o que significa 12.392 km de rodovias onde o tráfego de veículos é considerado perigoso”.

Portanto, esses dados apontam que as rodovias brasileiras são de má qualidade e isso é prejudicial para todos, principalmente com relação aos acidentes e demais perigos que isso traz para a vida das pessoas.

“Observando esse fatores podemos entender que estar sempre renovando e cuidando das nossas rodovias é um fator essencial do ponto de vista econômico, pois essa má qualidade é refletida no encarecimento dos produtos que todos nós consumimos e, para além disso, garantir a segurança das pessoas que as utilizam”, reforça Igor Pinheiro.

Qual o impacto da pavimentação de rodovias para a indústria do concreto?

Pinheiro explica que a maioria das rodovias no Brasil é pavimentada com asfalto — um material muito mais barato que o pavimento de concreto.

No entanto, nos últimos anos, o valor do petróleo (atrelado à variação do dólar) tem aumentado consideravelmente. O asfalto segue esse aumento de preços e eleva o custo dessas pavimentações. 

Para Pinheiro, “Com a pavimentação asfáltica tendo um custo crescente, a pavimentação em concreto começa a ser competitiva economicamente, além de possuir inúmeras vantagens, como a maior durabilidade”.

Por conta disso, a tendência é que a pavimentação em concreto passe a ser cada vez mais comum e isso deve aquecer a indústria do concreto.

O que explica o aumento da renovação de rodovias?

Pinheiro conta que, no Brasil, infelizmente, não há a cultura de fazer uma manutenção adequada nas nossas rodovias. 

Inclusive, durante um bom tempo houve uma grande dificuldade de aplicar investimento público para fazer manutenção adequada. Como consequência, as rodovias foram ficando cada vez mais degradadas. 

“Como a grande maioria da nossa malha rodoviária é composta por pavimento asfáltico, a necessidade de manutenção é elevada. Apesar de ainda haver dificuldade de alocar recursos públicos para manutenção das rodovias, as parcerias público-privadas são uma alternativa para tentar amenizar esse problema”, explica o especialista.

Gostou de aprender mais sobre a renovação das rodovias no Brasil? Se sim, confira também nosso artigo sobre “Uso de pavimento de concreto é ampliado em rodovias do Brasil”.

Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar