Concrete Digital faz parte da divisão Informa Markets da Informa PLC

Este site é operado por uma empresa ou empresas de propriedade da Informa PLC e todos os direitos autorais residem com eles. A sede da Informa PLC é 5 Howick Place, Londres SW1P 1WG. Registrado na Inglaterra e no País de Gales. Número 8860726.

Uso de robôs na construção civil: obra de ficção ou realidade próxima?

Será que o uso de robôs na construção civil é uma obra de ficção ou uma realidade mais próxima do que imaginamos?

A ficção começou imaginando esses cenários, mas hoje já estamos vivendo uma realidade com robôs trabalhando em obras de construção.

Confira o uso de robôs na construção civil no vídeo abaixo!

Os robôs vão tomar nossos empregos?

Definitivamente não! Os profissionais de engenharia terão outros objetivos e funções na obra.

Existem 3 tipos de robôs:

  • O controlado por humano, que precisa de gerenciamento;
  • O com programação prévia, que age sozinho com base no que foi pré-estabelecido;
  • E os robôs autônomos, que operam sozinhos e de forma automática.

Quais robôs são usados na construção civil?

Robôs de demolição e perfuração de solo, que exigem muita força dos funcionários, são alguns dos exemplos mais comuns. São atividade com alto risco e o uso de robôs traz mais segurança para o projeto.

Outro robô, o SAM 100, é capaz de posicionar tijolos 500% mais rápido do que humanos.

Em um futuro próximo, máquinas que analisam a obra em andamento, com base em imagens captadas por sensores, farão comparações com o projeto digital, para localizar possíveis erros através de inteligência artificial.

Uso de robôs na construção civil

O fato é que robôs na engenharia civil são uma realidade e estão modificando o mercado positivamente, trazendo mais segurança, agilidade e precisão para as obras.

Mas é preciso ter coragem, planejamento e abandonar métodos tradicionais para implementar essas novas tecnologias com sucesso nas obras de engenharia.

Ocultar comentários
account-default-image

Comments

  • Allowed HTML tags: <em> <strong> <blockquote> <br> <p>

Plain text

  • No HTML tags allowed.
  • Web page addresses and e-mail addresses turn into links automatically.
  • Lines and paragraphs break automatically.
Publicar